Linux Dicas: 7# Instalando programas

Instalar programas no Linux é muito fácil e pode ser mais fácil ainda se você entender todo o conceito por trás da coisa, o que era antes um bicho de 7 cabeças montado numa Hidra com raiva se torna um burro manso e domável. Como existem centenas de distribuições Linux, temos que focar em uma principal, nosso foco no “Linux Dicas” são as distros baseadas em Debian e para dar continuidade nessa caminhada, segue alguns comandos e funcionamentos básicos das instalações e desinstalações das mesmas 🙂

No Debian existem N maneiras de se instalar um software, entre eles estão os apt-get e o aptitude, que são assistentes para instalar programas listados no repositório /etc/apt/sources.list e podem ser adicionados ou removidos, utilizando a seguinte sintáxe: gedit /etc/apt/sources.list, ou outro editor de texto de sua preferência, caso queira alterar algo no diretório, execute o mesmo como root, segue exemplo:

sudo gedit /etc/apt/sources.list

Os softwares aqui mencionados funcionam da seguinte maneira: utilizam-se dos repositórios listados no arquivo /etc/apt/sources.list para de lá baixar os programas que você quer, e depois os instala com o dpkg, controlando inclusive possíveis dependências.

O tal do APT-GET

Para ser o zica do Linux e manjar pakas do APT-GET você faz das seguintes maneiras:

Para instalar:
apt-get install nome_do_programa

Pesquisar programas:

apt-cache search nome_do_programa

Remover programas:
apt-get remove nome_do_programa

O seguinte comando serve para atualizar os repositórios (caso tenha chegado algum pacote novo, é sempre bom rodar esse comando antes de instalar qualquer programa):

apt-get update

O seguinte comando atualiza seu sistema inteiro:
apt-get dist-upgrade

Agora digamos que você quer remover completamente um programa, inclusive suas dependências (não recomendado):

apt-get remove --purge nome_do_programa

 

APTITUDE

Para procurar por um programa:

aptitude search nome_do_programa

Remover programas:

aptitude remove nome_do_programa

Para remover um programa inclusive com suas dependências (não recomendado):

aptitude purge nome_do_programa

Para atualizar a lista de repositórios:

aptitude update

E finalmente para atualizar o sistema inteiro:

aptitude dist-upgrade

Note que a sintáxe é a mesma, o que muda é o aptitude ao invés do apt-get.

 

Conhecendo o DPKG

O dpkg é o instalador de programas para distribuições baseadas em Debian. Não recomendo o uso constante desse assistente por ser menos completo que os mencionados acima, o dpkg não resolve dependências por padrão. Os programas instaláveis com dpkg são os que possuem a extensão .deb. Como eu disse, não recomendo a utilização desse assistente mas as vezes você tem que instalar um programa que não está contido nos repositórios ou só contém o .deb, ai uso o acaba sendo necessário, mas nada que atrapalhe, porém os mencionados acima são mais completos.

Para instalar programas:

dpkg -i nome_do_programa.deb

Para remover programas:

dpkg -r nome_do_programa.deb

Remover completamente os programas, inclusive suas dependências (não recomendado):

dpkg -P nome_do_programa.deb

E por último um comando bem hilário conhecido dos usuários Linux a muito tempo, experimenta ai:
apt-get moo

Por hoje é só, até a próxima!

Por, Marcelo Freitas.